Alguma vez ouviu falar em mobile marketing? Embora à primeira vista possa parecer um bicho de sete cabeças, é importante perceber que não é nada de outro mundo.

A tecnologia faz parte da nossa vida e a utilização de tablets e smartphones mudaram a forma como o consumidor compra.

Como resultado prático desta alteração, os consumidores têm uma expectativa bastante elevada quando acedem a determinados sites que derivam das suas pesquisas (ou de ações de Marketing de conteúdo ou publicidade).

Desta forma, no caso do seu site não ser mobile friendly pode criar uma enorme frustração no consumidor.

Como pode ler ao longo destes 4 parágrafos, existem vários pontos a considerar. Por isso, neste artigo vamos explicar-lhe o que é:

  • Mobile marketing
  • Frustração
  • Mobile Friendly

Continue a ler e descubra tudo.

Mobile marketing: O que é esta estratégia digital?

Mas o que é afinal esta estratégia de marketing digital? Na prática não é nada mais do que investir numa estratégia que permita alcançar o seu público-alvo diretamente através de dispositivos móveis.

Para o conseguir, pode recorrer a diversas estratégias, como:

  • Email
  • Mensagens escritas
  • Redes Sociais
  • Publicidade em jogos
  • Aplicações próprias
  • MMS
  • Site responsivo
  • QR Code
  • Botões de ação rápida
  • Ações de Multimédia através de Bluetooth

O principal objetivo desta estratégia, passa essencialmente por alcançar o consumidor naquele microssegundo que ele está ali, disponível para receber a informação.

Por isso, é de extrema importância que utilize o mobile marketing não só para venda direta, como também para reforçar positivamente a mensagem que quer passar.

É importante ter em conta que apesar dos objetivos base deste tipo de estratégia serem similares aos objetivos base do seu negócio, é realmente importante ter ações específicas para este nicho.

Independentemente do seu negócio, o seu cliente ideal tem um smartphone! Logo, existe aqui uma forma simples e direta de comunicar com ele.

Esta forma de interagir com o consumidor, permite que o próprio interaja com a marca em qualquer lugar.

Isto é extremamente importante para o seu negócio, principalmente se for uma empresa pequena ou se o seu negócio é local. Ou seja, se o consumidor tem de se deslocar até uma loja física para consumir o produto (por exemplo restaurantes ou cabeleireiros).

Estudos realizados, indicam que 7 em cada 10 portugueses utiliza um smartphone e que o utiliza diariamente para a realização de diversas pesquisas. Em muitos casos mais ainda do que um computador fixo.

Claro que mais uma vez é importante analisar bem a sua estratégia (e o seu site) para não gerar frustração no consumidor.

Sabe o que é o poder da frustração?

É importante que saiba que não vai conseguir transformar um visitante em cliente, se o mesmo aceder ao seu site através de um smartphone e não conseguir visualizar de forma simples a informação que pretende. A frustração é o pior inimigo da venda.

Se o consumidor ficar frustrado com o seu site, ele vai sair e procurar informações nos seus concorrentes.

Assim sendo, se quer garantir que nenhum cliente “foge” do seu site quando realiza uma pesquisa, o primeiro passo é ter a certeza que o seu site é “mobile friendly”. Ou seja, que é responsivo no smartphone ou tablet.

Fazer o seu site com estas características pode ser bastante mais simples e acessível do que está à espera. E, é obrigatório também para uma boa estratégia de SEO.

Como ter sucesso através desta prática de marketing digital?

Se pretende ter sucesso através do Mobile Marketing é importante que saiba aproveitar os “micro momentos”. Ou seja, aqueles poucos minutos ou segundos que um consumidor pega no telemóvel para ver o email ou simplesmente passar o tempo enquanto espera por algo.

Muitos empresários ou empreendedores, não têm a noção que 76% dos consumidores abandonam um site em poucos segundos se o mesmo for muito lento ou se não for facilmente visível no telemóvel.

Assim sendo, se quer garantir que consegue angariar clientes que estejam à procura de algo através do telemóvel, deve otimizar o seu site. O mesmo deve ser responsivo e otimizado para todos os dispositivos (independentemente do tamanho dos mesmos).

A par disso, existem alguns cuidados extra que deve ter. E, indicamo-los de seguida:

  • Não seja intrusivo
  • Entregue a melhor experiência possível ao consumidor
  • Considere que o mobile deve ser especialmente rápido
  • Foque nos benefícios que poderá entregar
  • Seja sempre honesto com os seus clientes

Se seguir estas dicas, garantidamente irá ter sucesso.

Mas o que é afinal o que é um site responsivo?

De forma simples, podemos dizer que um site responsivo é aquele que se adapta automaticamente ao dispositivo que o consumidor está a utilizar. Ou seja, o mesmo muda a sua aparência e adapta-se ao consumidor.

Quando um site não é responsivo, o que acontece é que o mesmo ou vai ficar deformado ou é necessário fazer zoom para conseguir ver o que está escrito. E a verdade é que os consumidores não querem ter esse trabalho.

Em 2018 o Google implementou o mobile first indexing e ter um site responsivo passou a ser um ponto obrigatório para a classificação de uma determinada página nos motores de pesquisa.

Se o seu site não cumprir os requisitos base, pode ter a certeza que não vai aparecer na 1ª página, quanto mais nos 3 primeiros lugares da 1ª página.

É importante ter em mente que existem diversas vantagens associadas a esta adaptação dos sites tradicionais (visíveis perfeitamente em computadores) para sites responsivos. As principais são:

  • Melhoria do ranking da Google
  • Facilidade de conversão de um potencial cliente em cliente
  • Melhoria da experiência do utilizador
  • Facilidade e nas estratégias de marketing e no SEO
  • Carregamento da página de forma mais eficaz
  • Acessibilidade em qualquer browser

Como ter um site responsivo que possa ser utilizado para Mobile Marketing

Existem diversas formas de ter um site responsivo sem ter muito trabalho com isso. Se o seu site já for bastante antigo, o nosso conselho é que solicite a um informático (ou se tiver a disponibilidade e conhecimentos) que faça um site de raiz.

Se o site estiver desenvolvido em WordPress, poderá haver a possibilidade de o migrar. Contudo, se estiver numa plataforma como a WIX terá de ser construído de novo.

Uma das opções que pode utilizar é o template padrão.  Algumas ferramentas como o WordPress têm temas pré feitos que já são previamente concebidos a pensar na responsividade de um site.

Se o seu site já foi construído tendo por base um CMS, só necessita adquirir um novo template e fazer o upgrade do mesmo. Em menos de 2 horas terá o seu site responsivo e adaptado aos novos padrões de utilização.

No caso de ter um site que foi concebido em HTML, terá de falar com o Web designer e pedir que ele lhe altere o código base para que o mesmo se torne responsivo. Tenha em conta que esta opção além de mais demorada, acaba por ser também muito mais cara.

Estas são as principais bases para ter um site responsivo e conseguir aumentar a sua conversão de clientes através de smartphones ou qualquer outro tipo de dispositivos móveis.

Claro que para isso é importante que implemente as melhores estratégias de Mobile Marketing.

Se tiver alguma questão que queira esclarecer ou alguma dúvida, não hesite em contactar-nos pois estamos à sua inteira disposição para qualquer esclarecimento que necessite.