O storytelling ou a arte de contar histórias entrou para o mundo do marketing e tornou-se uma ferramenta poderosa.

Com o aumento da competitividade no mundo dos negócios é preciso inovar cada vez mais no relacionamento com os consumidores. Tudo isso com o objetivo de fidelizar o público a uma marca ou produto.

Em termos mais técnicos, o storytelling é uma estratégia voltada à criação de laços entre a empresa e os consumidores. E isso é feito através de uma narrativa alocada a uma estratégia de marketing de conteúdo.

Como sabemos que é um tema pouco explorado, vamos explicar melhor o que é e qual a importância desta ferramenta para o seu negócio.

Storytelling: O que é e qual sua importância como estratégia de marketing

Storytelling é uma palavra inglesa que significa em termos literais “contar histórias”, sendo que esta técnica é bastante utilizada para incentivar o pensamento e a escrita criativa.

Porém, hoje vamos abordar o seu conceito dentro do mundo corporativo. Vai ficar a perceber como esta estratégia pode ser usada em campanhas publicitárias, palestras ou gestão de redes sociais.

Basicamente, o storytelling envolve a criação de uma narrativa, uma boa história, com elementos que farão o público alvo identificar-se e criar um relacionamento mais profundo com a marca.

O que deve ser considerado no storytelling 

Não basta contar uma história qualquer, em que não haja referência ou identificação com o público.

Um dos principais elementos do storytelling é conhecer as pessoas que deseja alcançar com a narrativa, ou seja, quem é a sua persona.

Com isso é preciso que a história contenha uma mensagem clara, além de contextualização, personagens bem escolhidos e um conflito definido.

O conflito é o problema central que fará com que alguém consuma determinado produto ou serviço. Já a mensagem é a resolução deste conflito, e a forma como o seu produto ou serviço ajudou o “herói”.

O contexto e os personagens criam o processo de identificação entre a vida real dos consumidores e a ficção. E, é isso que faz com que o público se coloque naquele cenário e se interesse pela mensagem transmitida.

A junção destes fatores fará com que a narrativa seja assertiva e cause impacto a quem a vê.

O storytelling no mundo do marketing 

Vivemos num mundo em que somos bombardeados constantemente com um fluxo gigantesco de informações. E, boa parte delas está associada a publicidade de produtos, marcas e serviços.

Conquistar clientes interessados torna-se uma tarefa cada vez mais difícil. Por isso é preciso criar um diferencial para conquistar e envolver consumidores, e fortalecer o relacionamento destes com a empresa.

Não basta, portanto, simplesmente anunciar determinado produto. É preciso contextualizá-lo de forma a que o consumidor se identifique com ele, e essa contextualização pode ser feita através do storytelling, dando maior força à marca.

Dessa forma torna-se mais fácil prender a atenção da sua persona, que se sentirá envolvida com a narrativa. E, desse modo sentir-se-á mais próxima da empresa.

É essencial frisar que esta estratégia de marketing pode ser utilizada em diversos formatos e canais de comunicação.

Histórias em vídeo, publicações em redes sociais, textos em blogs e anúncios publicitários são alguns exemplos que possibilitam o uso do storytelling.

É importante que a narrativa seja dinâmica, objetiva e cativante, pois caso contrário não terá êxito em criar um vínculo mais profundo entre a marca e público.

O storytelling é uma ferramenta poderosa e que pode trazer muitas, conquistando clientes de forma inovadora e criativa.